Pesquisar neste blogue

A carregar...

segunda-feira, janeiro 28, 2013

Guerra Psicológica

"Existem 2 Poderes no mundo, a Espada e a Mente. A longo prazo a Espada é sempre derrotada pela Mente, logo, é esta última que importa verdadeiramente conquistar" 
(Napoleão Bonaparte)

O recente documentário “Psy-War” põe em evidência a correlação de forças entre a teoria elitista da democracia burguesa (como na antiga Grécia, há uma moral para escravos e uma moral para Senhores, democracia na qual só estes últimos 10% é que têm condições económicas e status para participar) decidindo no relacionamento entre declarações de guerra, propaganda e classes sociais. 
 
Guerra Psicológica inclui entrevistas inéditas com um significativo número de intelectuais académicos dissidentes, incluindo o anarquista Noam Chomsky, e militantes de diversas correntes marxistas de diferentes nuances como Howard Zinn, Michael Parenti e Peter Phillips (reunidos no think-thank Projectos Censurados), John Stauber (PR Watch), Christopher Simpson (A Ciência da Coerção) e outros.

Estudo aprofundado e ricamente ilustrado da natureza e da história da propaganda, apresentando a mundovisão de alguns dos actuais críticos mais perspicazes, "Psy-War" expõe o sistema de propaganda imperialista global, afinal o exercício de fundo crucial que controla a informação e o pensamento de milhões de pessoas que vivem assumidamente escravizadas pela escassez, num universo onde as 100 pessoas mais ricas do Mundo (com 60% de acréscimo de riqueza nos últimos 20 anos) poderiam acabar quatro vezes com a Pobreza global (segundo a Oxfam

1:39:02

Sem comentários: