Pesquisar neste blogue

segunda-feira, março 18, 2013

o caso sério do português que brincou aos terroristas...

Carlos Balsas resolveu gozar o prato com a paranóia securitária que se espalhou pelos Estados Unidos a pretexto do 11 de Setembro. O professor português de 41 anos, que se formou e vive nos EUA há sete anos, foi detido após ter brincado com o segurança de um monumento de Filadélfia dizendo que levava explosivos. Nada tinha na mochila, mas continua preso por ameaça de terrorismo e por se recusar a pagar uma fiança de 250 mil dólares. Ao que parece vai ser julgado e pode ser condenado pela justiça dos verdadeiros terroristas. O português, agora famoso e notícia de capa de jornal, talvez deste modo aprenda que vive numa sociedade de anormais 
Humor com Humor se paga

Patrocinada pela embaixada dos EUA em Portugal a revista Global Traveler publicou em Janeiro uma reportagem sobre Lisboa, aliciando turistas oriundos da neoconlândia norte-americana a visitar a nossa cidade. O interesse mereceu-me então um comentário: "tomem cuidado!... infelizmente o país está repleto de terroristas da al-Qaeda... fomos invadidos por eles no século VII, estiveram cá 8 séculos e ainda não recuperámos completamente desse desastre económico; a população ainda trabalha com alcatruzes, ditonga o prefixo "al" por tudo e por nada, esmaga uvas com os pés, compra casas com dinheiro a juros em aljamas de luxo e outras barbaridades. Espero bem que o signori Panetta tenha tratado desta importante questão civilizacional dos perigos de ofensas orais com o nosso ministro da guerra" - assim como espero que pelo nosso atrevimento histórico V. senhoria o sr. embaixador dos EUA em Lisboa não me tenha colocado o telhado sob a mira de algum drone enviado pela vossa excelentíssima democracia...
.

5 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Aldo Luiz Fonseca disse...

xatoo

O primeiro caso seria cômico se não fosse trágico, o segundo trágico se já já não se fossem cômicos. Sou fã do seu excelente blogue. Sou grato.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
O Puma disse...

Por cá

demissão Já

antes que fujam