Pesquisar neste blogue

quarta-feira, janeiro 14, 2015

era uma vez os franceses na Argélia

60% da população prisional em França é de origem magrebina

"A guerra da Argélia pela independência, que durou seis anos, e na qual talvez 1 milhão de muçulmanos árabes e muitas milhares de mulheres e homens franceses morreram, continua sendo uma agonia sem fim e sem resolução para ambos os povos. Há pouco mais de meio século, quase teve início uma guerra civil francesa. Talvez todos os informes jornalísticos e televisivos devessem conter um “pedaço desta história”, uma pequena recordação de que nada – absolutamente nada – ocorre sem um passado." (Carta Capital)

As origens do conflito inter-étnico em França tem tanto mais razões no seu passado colonial quanto é veridico que 22 anos após a independência da Argélia (1962) a França interferiu violentamente no processo eleitoral que previsivelmente daria a vitória pelo voto popular à nacionalista Frente Islâmica de Salvação (FIS), apoiando o envio de um franco-argelino emigrado em França para ser entronizado no pder graças a um golpe-de-Estado militar. A conflito que se seguiu provocou 200.000 mortos e várias centenas de milhar de desaparecidos; Embora a Frente Islâmica tenha sido ilegalizada e depois desmantelada, persistem até aos dias de hoje grupos dissidentes de guerrilha que lutam pela libertação da Argélia do jugo neocolonial - o que faz com que o território argelino não seja completamente seguro do doravante denominado de "actos terrorismo", isto é, de patriotas que lutam pela independência nacional.

7 comentários:

Anónimo disse...

Só conhecendo a história (registros, relatos e interpretações do passado), podemos entender o presente e avaliar e influenciar com propriedade o futuro!

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Pô, ficar remoendo a história insana da guerra fria pra culpar atos contemporâneos insanos é uma coisa sem noção alguma! As nações aprendem com os erros e assim seguimos. Se não fosse assim os judeus estariam criando campos de concentração para alemães, os japoneses estariam jogando bombas atômicas nos EUA, os vietnamitas napalm e o os paraguaios atacando e matando as famílias brasileiras. Temos que conhecer o passado para melhorar o futuro, não fazer apologia ao retorno do passado. Triste matéria que tenta influenciar a opinião pública de forma vergonhosa...

Anónimo disse...

QUE BUNDÃO APAGA COMENTÁRIO QUE NÃO GOSTA!! HAUAHUAHUAHUAH
PARABÉNS, BEM VINDO AO MUNDO DO FAÇA O QUE EU DIGO, MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO!
LIBERDADE DE EXPRESSÃO SÓ PARA O CARA SENSACIONALISTA DONO DO BLOG!

♪ BUNDÃO²!!!! ♪ ♪ BUNDÃO²!!!! ♪ ♪ BUNDÃO²!!!! ♪ ♪ BUNDÃO²!!!! ♪ ♪ BUNDÃO²!!!! ♪


HAUAHUAHUAHUAHUHAUAHUAHUAHUH

xatoo disse...

óh estúpido, o comentário que apaguei é um que estava repetido, vai-se catar, vai

Paulinho disse...

Kkkkkkkk Sem brigas rapaziada!
Super importante conhecer o "ontem" pra entender o "hoje"! Tanto o fundamentalismo religioso quanto o capitalista são cânceres para a sociedade!

Anónimo disse...

OLHANDO VCS FALAREM EU ENTREI NA HISTORIA QUE CADA UM AQUI APRESENTOU, E TODOS ESTÃO CERTOS. SIM DO PONTO DE VISTA DE CADA UM VCS ESTÃO CERTOS, MAS NINGUEM NUNCA PAROU PRA LER A BIBLIA E ENTENDER O QUE REALMENTE DEUS DEIXOU PRA NÓS, OLHAMOS PARA BIBLIA COM UM #FOREST GUMP# POR ASSIM DIZER. NA BIBLIA TEM FALANDO TUDO O QUE ESTA ACONTECENDO, MAS NINGUEM CRER, E QUANDO OLHAMOS PRA ESTAS COISAS QUE ESTÃO ACONTECENDO AO NOSSO REDOR VEMOS CLARAMENTE O QUE DEUS DEIXOU ESCRISTO A MAIS DE 2000 ANOS. NA ESTOU SENDO PLACA DE IGREJA OU ENTIDADE RELIGIOSA NENHUMA, MAIS QUANDO EU LI, E PEDIR A DEUS QUE ME DESSE SABEDORIA PRA ENTENDER O QUE AS ESCRITURAS DIZEM, SOMOS COMO QUALQUER COISA QUE COMPRAMOS VINHEMOS COM O MANUAL DE INSTRUÇÕES, MAIS NINGUEM, EU DIGO NINGUEM QUER PERDER TEMPO PRA LER. E DAI AS PESSOAS FICAM ASSIM COMO VCS DISCUTINDO QUEM EST´´A ERRADO E QUEM DEIXOU DE ERRAR. O QUE VIMOS HJ NÃO É NADA COMPARADO PRO O QUE ESTÁ POR VIM!! ENTÃO ACHO MELHOR VCS ENTENDEREM QUE QUANDO ESTE DIA CHEGAR DE QUE LADO VCS VÃO QUERER ESTÁ. CREIAM JESUS EXISTE E ELE VAI VOLTAR.